Lauda Médica

Click here to load reader

  • date post

    24-Jul-2016
  • Category

    Documents

  • view

    226
  • download

    0

Embed Size (px)

description

Informativo Bimestral do SIMED-TO. Edição Dez/2015.

Transcript of Lauda Médica

  • LAUDAMDICA

    I N F O R M A T I V O

    BATALHAS

    VENCIDAS NA

    JUSTIA MARCAM

    A FORA DO

    SIMED NA DEFESA

    DA CLASSE

    MDICA

    A LUTA NO PARA

  • DEZEMBRO 20152

    EDITORIALNo Tocantins, o prossional

    mdico tem vivido intensa pre-

    carizao das relaes e das

    condies de trabalho. Um ver-

    dadeiro desmonte do servio

    pblico de sade que inclui a

    extino dos servios de espe-

    cialidades montados com grande

    esforo no interior, a velha prtica

    de transferir para os mdicos as

    causas e as consequncias da m

    gesto e, claro, a falta de insumos

    bsicos e medicamentos mnimos

    para um atendimento de quali-

    dade, o que gerou esse quadro

    catico.

    O Sindicato dos Mdicos no

    se quedou inerte ao longo de

    2015. Honrando uma trajetria

    marcada pela luta para a execuo

    das polticas pblicas que res-

    peitem e valorizem o mdico, o

    SIMED-TO ocupou a linha de

    frente desde o incio da atual

    gesto. No primeiro embate,

    repudiou e combateu a medida do

    governo estadual de tentar par-

    celar o salrio referente a de-

    zembro de 2014. Travou e venceu,

    na Justia, o calote da gesto que

    toma o servio mdico, atravs do

    planto extra, sem a contra-

    prestao pecuniria. Prtica que

    a Justia tocantinense chamou de

    consco de mo de obra equi-

    valente a trabalho forado.

    Discutiu e cobrou o cum-

    primento de todas as garantias

    trabalhistas do servidor, entre as

    quais os pagamentos de grati-

    caes de UTI, urgncia e emer-

    gncia, entre outras. Uma co-

    brana baseada em leis que xam

    este pagamento, conquistada pelo

    esforo do SIMED-TO para que a

    garantia de pagamento, antes

    xada por portaria, fosse trans-

    formada em lei estadual.

    Enfrentar o cotidiano que o

    atendimento ao cidado em meio

    a este cenrio tem sido a luta do

    mdico respaldado pelo SIMED-

    TO. Uma luta em defesa dos

    legtimos interesses dos mdicos

    e da sociedade. E acreditamos

    que vamos venc-la sob um

    movimento mdico calcado na

    bandeira da liberdade, da unidade,

    da democracia e do respeito.

    Em nome desses princpios,

    estamos lanando este nosso

    informativo, bimestral, home-

    nageando nossa coluna Lauda

    Mdica. Por ele, iremos registrar e

    difundir os passos e estratgias

    em defesa do mdico e de uma

    sade de qualidade.

    DIRETORIA SIMED-TO 2012-2016

    Janice Painkow - Presidente

    Hilton Soares da Mota- Vice-presidente

    Nara Neli Torres - Secretria Geral

    Ana Emilia Pessoa Garcia - Secretria

    Adjunta Geral

    Carlos Alberto F. Novo - Secretrio de Finanas

    Maria da Soledade Silva Coelho - Secretria

    Adjunta de Finanas

    Orestes Sanches Junior - Secretrio de

    Assuntos Jurdicos

    Francisco Valtrcio Pereira - Secretrio Adjunto

    de Assuntos Jurdicos

    Francisco de Assis Macedo - Secretrio de

    Comunicaes e Imprensa

    Ana Mackartney de Souza Marinho - Secretria

    Adjunta de Comunicaes e Imprensa

    Helio H. Marques Maus - Secretrio de Formao

    Sindical e Relaes Intersindicais

    Maximo da Costa Soares - Secretrio Adjunto de

    Formao Sindical e Relaes Intersindicais

    Luiz Carlos Alves Teixeira - Secretrio de

    Relaes de Trabalho

    Mauricio Thomas Kawai Costa - Secretrio Adjunto de

    Relaes de Trabalho

    Raimundo Clio Pedreira - Secretrio de Cultura,

    Esporte e Lazer

    Edna Meirelles - Secretria Adjunta de Cultura,

    Esporte e Lazer

    Danilo Felix Daud - Secretrio de Formao Prossional

    e Educao Mdica Continuada.

    Marcos Venicios Xavier de Oliveira - Secretrio Adjunto

    de Formao Prossional e Educao

    Mdica Continuada

    Virgnia Beatriz Ayer

    Jorge Ivan Alves Bezera

    Fauster Balestra

    Conselho Fiscal

    Adalgele Rodrigues Blois

    Eduardo Henrique Vital Godinho

    Leandro de Sousa Araujo

    Suplentes

    LAUDA MDICA

    Informativo Bimestral produzido pela Assessoria de

    Comunicao do SIMED-TO

    Coordenao: Orestes Sanches Jnior

    Edio: Lailton Costa

    Projeto Grco e Editorao: Marcelo Venncio

    EXPEDIENTE

    LAUDAMDICA

  • DEZEMBRO 20153

    O ano de 2015 representou um ano

    de muita luta para o Sindicato dos

    Mdicos, avalia a presidente da

    entidade Janice Painkow. Para a

    dirigente, a esperana de uma gesto

    que honrasse os compromissos

    assumidos com a categoria mdica foi

    superada quando os servidores da

    sade se viram surpreendidos com

    uma administrao voltada a cassar

    direitos trabalhistas e que voltou sua

    artilharia contra a classe mdica.

    Plantes extras, adicional de

    insalubridade, graticaes por atua-

    o na urgncia e emergncia e nas

    UTIs, adicional noturno e produ-

    tividade, passaram a ser vistas pela

    gesto como algo a ser combatido, em

    total desrespeito legislao estadual

    que garante o pagamento desses

    direitos, destaca.

    Janice ressalta que foi com intensa

    atuao do SIMED-TO que estes

    direitos passaram a ser xados em lei

    e no mais em portaria da Secretaria

    Estadual da Sade (Sesau). Se a

    gesto est ignorando leis que garan-

    tem esses direitos, inclusive aqueles

    xados no Plano de Cargos e Salrios,

    imagine o que no faria com os que

    est ivessem xados apenas em

    portaria, destaca. Janice lembra que

    uma vitria foi a ao judicial que

    obrigou o Estado a pagar o planto

    extra como indenizao e no como

    remunerao como tentava a Sesau.

    Pode atrasar o pagamento, mas uma

    hora tem de pagar, porque est na lei e

    assim determinou a Justia.

    Bandeiras

    Entre as frentes de luta neste ano, a

    presidente destaca a proposta de

    parcelamento dos salrios dos

    servidores, o calote no planto extra

    realizado pelos mdicos, os atrasos

    no pagamento de graticaes para

    atuao em UTI, emergncia e

    emergncia, adicionais noturnos, des-

    respeito data-base, s progresses

    funcionais, terceirizao de servios

    de sade em setores como oncologia e

    UTI Neonatal, contratao de m-

    dicos, alm da repetida falta de

    condies de trabalho e desabas-

    tecimento de insumos, medicamentos

    e equipamentos.

    Toda a omisso da gesto estadual

    se reetiu na situao catica em que

    se encontra a sade no Tocantins, que

    gerou, inclusive, uma greve dos

    servidores, apoiada integralmente

    pelos mdicos, avalia Janice, ao

    conclamar os mdicos para a luta no

    prximo ano.

    A luta no para e o SIMED, sempre

    ao lado do mdico, vai continuar o

    enfrentamento das questes que

    impactam o trabalho mdico e afetam

    as condies de trabalho, disse.

    DEZEMBRO 2015

    A luta no para

    CAPA

    LAUDAMDICA

  • DEZEMBRO 20154

    O novo site moderniza e amplia as

    formas de interao com os asso-

    ciados e servir como fonte de

    informaes para a imprensa e

    sociedade da atuao sindical e de

    como a categoria mdica se posiciona

    em defesa de um sistema de sade de

    qualidade para a populao, avalia o

    diretor de Jurdico do SIMED-TO,

    Orestes Sanches Jnior.

    Um dos destaques pgina de

    servios, que permite acionar a

    Assessoria Jurdica, fazer reservas do

    Clube do Mdico e apartamentos na

    sede, alm da lista dos convnios e

    facilidades para o liado e os sistemas

    para cadastro e atualizao cadastral,

    impresso de boletos das contri-

    buies, entre outros.

    SIMED lana novo sitePara aprimorar a comunicao com os liados e a sociedade, o SIMED-TO lana seu novo site. No endereo

    , o endereo traz uma pgina institucional completamente reformulada, com visual www.simedto.org.br

    moderno e que rene todas funcionalidades da internet e disponibiliza o mix de servios oferecidos aos liados.

    LAUDAMDICA

    Praa dos Mdicos "Por quase duas dcadas a classe mdica lutou e ansiou por esta praa". Com estas

    palavras, a presidente do Sindicato dos Mdicos no Estado do Tocantins, Janice Painkow, inaugurou a Praa do

    Mdico, ao lado o prefeito de Palmas, Carlos Amastha. Construda em parceria entre o Sindicato e a prefeitura,

    o espao ocupa 12 mil m com jardinagem, estacionamentos, calamento em blocos intertravados e

    iluminao. A presidente destacou a presena do ex-prefeito, o mdico Odir Rocha, idealizador da praa.

    Pgina 1Pgina 2Pgina 3Pgina 4